You are hereIARU apresenta posicionamentos sobre a CMR-15

IARU apresenta posicionamentos sobre a CMR-15


PorPY1ZV-0 - Enviado em 03 June 2013

IARU apresenta posicionamentos sobre a CMR-15 

Em pauta nova faixa dos 60 metros, ameaças espectrais em UHF e SHF, entre outros temas 

A União Internacional de Radioamadores (IARU – International Amateur Radio Union), 

através da teleconferência do Conselho Administrativo realizada em Maio de 2013, organizou e 

divulgou seu posicionamento institucional sobre 9 itens que serão discutidos na Conferência 

Mundial de Rádio (CMR) da União Internacional de Telecomunicações (UIT), em Genebra, Suíça, 

em 2015. 

Os itens tratam da inserção internacional de uma nova banda radioamadora em HF (os 60 

metros); da revisão nas restrições das “comunicações para terceiros”; a retirada de algumas notas de 

rodapé; aspectos regulatórios de picosatélites e nanosatélites; e a ameaça de perder-se bandas de 

UHF e SHF para internet móvel, radares automotivos e serviços satelitais.

A IARU é tradicional entidade reconhecida pela UIT, participa de todas as CMRs, integra 

ativamente os debates nas comissões internas, mas não tem direito a voto, restrito às administrações 

nacionais de telecomunicações (no Brasil representada pela Anatel – Agência Nacional de 

Telecomunicações). 

Anos antes de cada CMR, as administrações nacionais desenvolvem estudos e debates na 

UIT e em outras organizações regionais como a CITEL (Comissão Interamericana de 

Telecomunicações) com o fito de constatar ou não as viabilidades técnicas e jurídicas das propostas 

que alteram a presença espectral dos serviços. 

No Brasil a Anatel instituiu as CBCs – Comissões Brasileiras de Comunicações, onde a 

sociedade participa destes debates e auxilia o país a levar para Genebra posicionamentos mais 

próximos da realidade nacional. 

A LABRE integra desde 2012 a CBC – 2 (Radiocomunicações) através do GDE, o Grupo de 

Defesa Espectral, e é entidade relatora do item 1.4: “Nova alocação para o Serviço de Amador em 

caráter secundário dentro da banda de 5250-5450 kHz, em acordo com a Resolução 649 (CMR-

12)”. 

A IARU espera que sua atual manifestação sobre a CMR-15 possa ser endossada pelas 

associações-membro e defendida em suas administrações nacionais, para assim estender a 

possibilidade de proteção e ampliação do espectro radioamador. 

O documento “Posicionamentos da IARU sobre Itens da Agenda da CMR-15” foi 

traduzido pelo GDE para o português e pode ser acessado neste link: 

http://www.radioamadores.org/projetos/GE/aloc/cbc/arq/IARU-CMR-15-May201...

Neste link está o documento em inglês publicado no IARU E-Letter: 

http://www.radioamadores.org/projetos/GE/aloc/cbc/arq/IARU-EE-WRC-15-May...

-- 

GDE/LABRE, 03 de junho de 2013

AnexoTamanho
news-2013-12.pdf80.92 KB

Pesquisar

Navegação

Quem está online

No momento há 1 usuário e 58 visitantes online.

Novos usuários do site

  • PU7ASG
  • PY2ALC
  • PY9GC
  • py4vg
  • PY4DY

Divulgar

Conteúdo sindicalizado